Água e óleo

Lembra aquele experimento que você faz quando criança? Aquele mesmo de pegar um copo de vidro e jogar água e óleo dentro pra ver o que acontece. O resultado já vem em 10 segundos na sua cabeça: água e óleo não se misturam.

Isso é o que sempre ouvimos falar também sobre seu lado pessoal e seu lado profissional. Provavelmente você vai ouvir (ou já ouviu) isso de muita gente, mas a regra básica é que você deve evitar misturar as duas coisas.

A ideia é que você sempre separe mesmo uma coisa da outra. Entender que sempre algumas coisas não são direcionadas a você como pessoa, mas para você como profissional. Isso é importante pois evita uma série de frustrações e te ajudam a amadurecer. Saber que se alguém fala alguma coisa sobre aquela peça que você fez, não tem a ver se ele gosta mais ou menos de você, mas faz parte do trabalho. Faz parte do seu dia a dia.

Agora, voltando ao experimento da água e do óleo. O que acontece logo que você joga o óleo junto com a água e mistura? Por alguns segundos as duas coisas se misturam, mas você ainda enxerga claramente o que é água e o que é óleo. É aqui que a mágica acontece.

Deixe o seu lado pessoal e o seu lado profissional se misturarem por alguns segundos.

Tá, isso vai me ajudar no que?

Cada vez mais, não só no ramo das agências de comunicação, mas em praticamente todo o mercado de trabalho, as pessoas procuram locais que as satisfaçam e que tenham um ar familiar. Imagine isso em agências, onde os colegas de trabalho viram praticamente uma segunda família. Isso fica ainda mais evidente.

Essa mistura dos dois lados, mesmo que seja por alguns segundos, vai te ajudar a ser um profissional melhor e uma pessoa melhor também. É nesse momento que coisas que já conversamos aqui no blog como empatia e espírito de equipe aparecem mais fortes do que qualquer outro momento no seu ambiente de trabalho. Isso acontece, quando deixamos um pouquinho o lado operacional e damos mais ênfase no lado humano da coisa toda.

Da mesma forma, com a entrada desse lado mais humano, trabalhamos mais motivados e mais satisfeitos, por isso o lado operacional também sai ganhando. As coisas começam a ganhar mais qualidade.

Agora, assim como água e óleo em nenhum momento deixamos de enxergar o que é profissional e o que é pessoal. Ter esses limites do que é cada um é sempre muito importante para que uma coisa não passe a prejudicar a outra. São só aqueles segundos mágicos que as duas coisas se misturam que podem te ajudar a dar aquele passo a mais que estava faltando.

Por isso, minha opinião é que no final das contas, você sabe que a água e óleo vão entrar em equilíbrio e cada um vai tomar seu espaço dentro do copo. Contudo, dar uma misturada todo de vez em quando não faz mal pra ninguém.

🙂 Como está o seu copo?

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s