Vai um sonho aí?

Tudo bem que já estamos no meio do mês, mas começo de ano é sempre aquela coisa de planejar, definir objetivos, metas, vontades e na maioria das vezes: sonhos.
E quando falamos de sonhos, aposto uma xícara de café que você já ouviu esse tipo de conversa, especialmente se está no começo da sua carreira:

– Ah, meu sonho é ser diretor de criação de uma agência de São Paulo!
– Meu sonho é morar e trabalhar com comunicação no exterior!
– Meu sonho é ganhar muito!
– Ah, eu só sonho em ser pai e ter a minha família

Primeiro de tudo e talvez o ponto mais importante do que está por vir nesse texto: NADA DISSO ESTÁ ERRADO, OK?

Sonhos como esses fazem parte da vida na Terra (olha, que profundo!) e não tem nada, mas absolutamente nada de errado nisso. Aliás, se você tem um desse (ou qualquer outro que não faça parte dessa lista), agarre-o com unhas e dentes até o dia que ele se torne realidade.

Normalmente esse é o comportamento padrão (e por padrão, não entenda que é quadrado ou inferior. Apenas mais comum!) da maioria de nós. Desde pequenos sonhamos com aventuras e super poderes. Depois, um pouquinho maiores começamos a sonhar com carreiras (desde jogador de futebol até médico no hospital Albert Einstein) e com o objetivo estabelecido, seguimos em frente até alcançá-lo.

Contudo, como mencionei acima: esse é um comportamento padrão da maioria. Isso não significa que ele pertença a 100% dos habitantes do planeta. Se em algum momento da sua existência até aqui, o sentimento de pânico por não ter um grande objetivo na vida apareceu na sua cabeça, eu espero de coração que esse texto te ajude de alguma forma.

“Ah Singulano, quer dizer então que você vai tentar me convencer de que eu preciso de um sonho?”

Muito pelo contrário. Estou aqui para te dizer que talvez você não precise de um.

Principalmente você, que acabou de se formar e está desesperado porque todos seus amigos e colegas de profissão estão mirando grandes agências ou grandes empresas, sendo que tudo que você quer é apenas começar num bom emprego e passar pelo período de experiência.

Como já falei em vários posts aqui do blog, a realidade de quem está ao seu lado não precisa necessariamente ser a sua. Vocês possuem bagagens diferentes, pontos de vista diferentes….então porque raios precisam seguir exatamente o mesmo caminho?

Alguns de nós se realizam através da quebra de um sonho enorme em pequenos objetivos e conquistas ao longo da vida.  Ao invés de sonhar em ter uma casa enorme com 3 cachorros em 5 anos, você pode ficar mais satisfeito ( e principalmente mais motivado) em trabalhar para conseguir uma promoção e terminar uma pós-graduação em 1,5 anos. O que vem depois disso, provavelmente você vai decidindo ao longo da jornada.

Perceba que nenhuma das duas opções está errada ou muito menos que uma opção é melhor que a outra: são apenas escolhas.

Por isso, se você começou o ano desesperado por não ter O GRANDE SONHO que todos os seus amigos têm, respire fundo e pense no que você quer conseguir nos próximos 6 meses ou até o fim do ano. Pode ser até zerar a fatura do cartão de crédito ou comprar aquele cd da banda que você gosta.

E se você tem um grande sonho, não desista! Respire fundo e trabalhe para chegar até realizá-lo. Uma grande viagem ou ganhar o primeiro milhão.

Por isso, pra finalizar: o tamanho do seu sonho não importa. Se ele vai vir num pacote de 5kg ou em 5 pacotes de 1kg não interessa. O que realmente interessa é o gás que ele te dá pra continuar sempre em frente.

Até a próxima e feliz 2018!

_________________________________________

Esse post foi inspirado no vídeo que saiu na página Quebrando o Tabu:

LINK VÍDEO: https://www.facebook.com/quebrandootabu/videos/1749130331810013/

Anúncios

1 comentário Adicione o seu

  1. Chell disse:

    Coube bem pra mim. Eu sou toda complexada por não te O GRANDE SONHO DA MINHA VIDA, e isso me deixa meio pra baixo, mas to aprendendo a lidar =D um dia de cada vez =D

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s